Archive for Junho, 2009

Em comemoração da Festa de S. Pedro e S. Paulo

Junho 29, 2009

http://faroldeluz.files.wordpress.com/2008/06/llaves08.jpg

Ainda o manisfesto dos 51

Junho 29, 2009

LER AQUI<

Parece que o Intervenção Maia tem medo do manifesto dos 51!

Junho 28, 2009

O blogue Intervenção Maia refere-se ao manifesto dos 51 de forma desastrosa, nem uma única palavra do texto que insere tem de sumo.

Só diz mal, mas sem substância!

Tem medo de quem pensa o Intervenção Maia?

Cuidado PS da Maia, não desperdicem os novos tempos

Junho 27, 2009

Há um senhor muito conhecido que sempre concorreu, por si, ou por outros, à Câmara Municipal da Maia, e anda agora a tramar o candidato legítimo do PS, Mário Gouveia.

Para bem do PS, e do PS da Maia, esse senhor faria muito bem estar calado (que está!), mas quieto (que não está!), e toda a sua actuação é um suicidio para o PS da Maia.

FORÇA MÁRIO GOUVEIA, MANTENHA-SE FIRME!

Sondagem legislativas: cuidado PS!

Junho 27, 2009

Legislativas.

Marktest, 16-20 Junho, N=800, Tel.

PSD:  35,8%
PS:  34,5%
BE:  13,1%
CDU:  8,4%
CDS:  4,4%
OBN:  3,8%

Projecção de deputados:
PSD – 96
PS – 88
BE – 27
PCP – 18
CDS – 5

O Manifesto dos 51, vale a pena reflectir sobre ele

Junho 27, 2009

Foi publicado hoje o Manifesto dos 51, que contraria um outro publicado a semana passada, porque tem imensa importância e desmistifica este, deixamos aqui para reflexão dos leitores. E um grande abraço ao Jorge Bateira por ser um dos signatários.

VER AQUI

“Pacto Global para o Emprego”

Junho 26, 2009

https://i1.wp.com/www.ilo.org/public/portugue/region/eurpro/lisbon/images/wcms_108216.jpg

A Organização Internacional do Trabalho (OIT) adoptou um “Pacto Global para o Emprego” durante uma Cimeira dedicada à Crise Mundial sobre o Emprego que decorreu de 15 a 17 de Junho de 2009 à margem da 98ª Conferência Internacional do Trabalho (CIT).

Esta Cimeira teve como objectivo orientar políticas nacionais e internacionais para a criação de emprego, a protecção dos trabalhadores e o estímulo da recuperação económica num cenário de crise.

O Pacto Mundial para o Emprego propõe uma série de medidas como resposta à crise, que os países podem adaptar à sua situação e necessidades específicas. Não constitui uma solução única para todos(as), mas um portefólio de opções baseadas em exemplos bem sucedidos.

 
O texto do Pacto pode ser consultado a partir do link:

http://www.ilo.org/wcmsp5/groups/public/—ed_norm/—relconf/documents/meetingdocument/wcms_108456.pdf

Lutar contra a droga é um dever de todos

Junho 26, 2009

https://i1.wp.com/www.jornallivre.com.br/images_enviadas/droga-narcotico-entorpecente-o.jpg

A UE apela a todos os europeus para que participem com iniciativas concretas e criativas na nova campanha contra a droga.

A campanha foi lançada a 26 de Junho numa cerimónia que assinala o dia internacional contra a droga organizado pelas Nações Unidas.

Vinte e uma organizações aderiram imediatamente à campanha, tendo assumido o compromisso de tomar iniciativas de sensibilização para os riscos da toxicodependência. Entre essas organizações contam-se associações juvenis, caritativas e de apoio aos toxicodependentes.

Os participantes têm de realizar um plano de acção concreto, mas são eles que decidem as medidas a tomar. Para garantir o cumprimento dos compromissos assumidos, os voluntários têm de assinar uma declaração.

Todos os anos, 7 000 a 8 000 pessoas morrem de overdose na Europa. A maior parte dos casos deve-se ao consumo de heroína, a principal causa de morte entre os jovens europeus, especialmente entre os jovens de sexo masculino residentes em zonas urbanas.

Além de criar grande dependência e de conduzir frequentemente a situações de overdose, a heroína contribui também para a propagação do HIV/SIDA e da hepatite C através de seringas contaminadas.

Veja este site: Acção Europeia sobre a Droga – compromissos

A Paulo Rodrigues, candidato do PS à Junta de Freguesia de Vila Nova da Telha

Junho 24, 2009

Caro Dr. Paulo Rodrigues,

Por não ter outro sítio onde o faça, sou obrigado a fazê-lo publicamente.

Na carta que dirige aos Vilanovenses refere que conta com todos os militantes do PS, e refere que fou convidado pelo Secretariado da Secção de Pedras Rubras para tal. A Secção de Pedras Rubras como deve saber é conhecida pela Secção do Consultório.

Muito Bem!

Queria que não ficassem dúvidas quanto à ilegitimidade da sua candidatura, porque nos Estatutos do Partido Socialista, refere:

Artigo 33º

(Da Assembleia Geral)

A Assembleia Geral, constituída por todos os membros inscritos na secção de residência ou de acção sectorial, é o órgão deliberativo das estruturas de base, competindo-lhe o exercício das competências genericamente definidas no artigo 30º, e em especial:

(…)

c. No caso das secções de residência, aprovar as candidaturas do PS às respectivas Assembleias de Freguesia;

Ora sendo eu mititante do PS, nunca fui convocado para analisar e aprovar a sua candidatura (independentemente do juízo que posso fazer dela), e pertenço à Secção de Pedras Rubras (vulgo do Consultório).

Assim meu caro Dr. , e seu pai, meu amigo, Miguel Ângelo Rodrigues, dar-me-á razão, a sua candidatura não tem legitimidade formal, pelo que não pode ser candidato, sem aquela aprovação, até porque não sabe se haveriam mais candidatos a candidato.

O PS, pois, em Moreira e Vila Nova da Telha, ainda não possui candidatos, porque os estatutos são para cumprir.

A bem da trasparência e do cumprimento estatutário.

Joaquim Armindo

S. João Baptista – Padroeiro da Igreja de S. João Baptista da Foz do Douro

Junho 24, 2009

https://i1.wp.com/amen6.no.sapo.pt/ALBUM%20DAS%20IGREJAS%20DO%20PORTO/slides/Foz%20do%20Douro-Igreja%20de%20S.%20Joao%20Baptista%20da%20Foz%20(1).jpg

S. JOÃO BAPTISTA

Junho 24, 2009

                 João nasceu numa pequena aldeia chamada Aim Karim, a cerca de 6 Km de distância a oeste de Jerusalém, e segundo o conhecimento seria um nazireu de nascimento, outras fontes referem que pertencia à facção nazarita da Palestina, integrando-a na puberdade, sendo considerado um homem sagrado. Nasceu 7 anos antes de Cristo, ou como alguns historiadores referem 2 anos. Zacarias, o pai, procedeu à cerimónia de circuncisão, ao oitavo dia da sua vida, como era normal entre os judeus. O pai era sacerdote e a mãe pertencia a uma sociedade chamada “as filhas de Aarão”. Aos seis anos de idade, como em Judá não existiam escolas, foram os seus pais que o ensinaram a ler e a escrever e como pelos catorze anos os meninos iniciavam o novo ciclo de eduJOÃO, O BAPTISTA João nasceu numa pequena aldeia chamada Aim Karim, a cerca de 6 Km de distância a oeste de Jerusalém, e segundo o conhecimento seria um nazireu de nascimento, outras fontes referem que pertencia à facção nazarita da Palestina, integrando-a na puberdade, sendo considerado um homem sagrado. Nasceu 7 anos antes de Cristo, ou como alguns historiadores referem 2 anos. Zacarias, o pai, procedeu à cerimónia de circuncisão, ao oitavo dia da sua vida, como era normal entre os judeus. O pai era sacerdote e a mãe pertencia a uma sociedade chamada “as filhas de Aarão”. Aos seis anos de idade, como em Judá não existiam escolas, foram os seus pais que o ensinaram a ler e a escrever e como pelos catorze anos os meninos iniciavam o novo ciclo de educação, foi levado para a Engedi (actual Qumram), para ser iniciado na educação nazarita (que significa “consagrado”, “separado”), e por isso abstinha-se de bebidas intoxicantes, deixava o cabelo crescer e nunca tocava nos mortos. Após a morte do pai, no ano 12, com 18 anos, foi com a mãe para Hebrom tendo sido pastor e com a morte da mãe (Isabel), no ano 22, João ofereceu todos os seus bens, e iniciou o seu objectivo: pregar aos gentios e admoestar os judeus da vinda do “Messias” e do “Reino dos Céus”, e baptizava com água como purificação. cação, foi levado para a Engedi (actual Qumram), para ser iniciado na educação nazarita (que significa “consagrado”, “separado”), e por isso abstinha-se de bebidas intoxicantes, deixava o cabelo crescer e nunca tocava nos mortos. Após a morte do pai, no ano 12, com 18 anos, foi com a mãe para Hebrom tendo sido pastor e com a morte da mãe (Isabel), no ano 22, João ofereceu todos os seus bens, e iniciou o seu objectivo: pregar aos gentios e admoestar os judeus da vinda do “Messias” e do “Reino dos Céus”, e baptizava com água como purificação.

Um erro a candidatura do PS a Vila Nova da Telha!

Junho 23, 2009

O PS da Maia sabe que Pinho Gonçalves é Socialista, e que tem ganho as eleições por isso. Desconhecer isto é não perceber nada de política.

Pinho Gonçalves não se tem candidatado pelo PS porque um senhor vetou, e perdeu.

Já estamos suficientemente esclarecidos para conversar com Pinho Gonçalves, a não ser que queiramos levar “outra banhada”.

PS da Maia: os militantes que não são chamados a nada só podem fazê-lo publicamente

Junho 22, 2009

Obtive a notícia que a freguesia de Moreira já tem candidato à Junta de Freguesia de Moreira da Maia!

Tal como a Vila Nova da Telha os militantes da Secção de Pedras Rubras ( o consultório, como é normalmente conhecida) não foram chamados para opinar, pelo menos eu!

Com que legitimidade se lançam candidatos sem uma análise e um consensso entre os militantes?

Depois se perderem não venham dizer que os militantes não apoiaram, pois eles não são ouvidos para nada, pelo menos nesta Secção que deveria reunir, pelo menos, semestralmente, mas não o são. Não venham dizer que trouxe este assunto para a praça pública, e que deveria ser nos locais devidos, é que eu não tenho outro local!!

20 anos de prevenção baseada na avaliação dos riscos

Junho 21, 2009

http://osha.europa.eu/pt/teaser/20-years-of-prevention-based-on-risk-assessment/image_mini

Em Junho de 1989, a UE adoptou uma Directiva-quadro no domínio da SST, com o objectivo de assegurar uma maior protecção dos trabalhadores no trabalho. A directiva, que abrange todos os locais de trabalho europeus, baseia-se no princípio da prevenção com base numa avaliação prévia dos riscos. O enquadramento tem por base a execução de medidas de prevenção, assim como a informação, consulta e formação dos trabalhadores e respectivos representantes.

Celebramos, assim, neste mês de Junho a PREVENÇÃO e saúdamos todos os esforços feitos para que possamos ter Locais de Trabalho Seguros e Saudáveis.
Directiva 89/391/CEE do Conselho

Na despedida da Primavera

Junho 21, 2009

https://i0.wp.com/www.digitalphoto.pl/foto_galeria/1557_2005-0104.JPG

Luís Rothes candidato à Assembleia Municipal da Maia, pelo PS

Junho 18, 2009

Um dos nossos leitores chamou-nos mentirosos porque dissemos que existia um convite ao militante do PS da Maia, Luís Rothes, e que este teria aceitado.

É verdade que existiu um convite de Mário Gouveia, assim como é verdade que Luís Rothes não disse que NÃO, o nosso leitor anda pouco informado.

Também é verdade que existia outro militante que queria, e quer esse lugar, assim como é muito dificil para Mário Gouveia proceder à feitura das listas e agradar a todos. É que a mão de um certo senhor continua no PS da Maia, se não for assim então não existe nenhum(a) militante da família do dominador do PS da Maia indicado(a) para as listas. Vamos ver!

No entanto Mário Gouveia nesta caminhada que iniciou é capaz de estar a ter mais dificuldades com aquele(s) que o apoiaram do que com os outros.

POR MIM APOIO MÁRIO GOUVEIA, E SE PERDER, NESSA HORA, ELE VAI TER O MEU APOIO, MAS ALGUÉM LHE TIRARÁ O TAPETE, PORQUE JÁ HÁ UMA ALTERNATIVA, PARA O CONTINUO DESNORTE DO PS DA MAIA. E QUEM FALA NÃO QUER UM ÚNICO LUGAR!

CNE confirma que cidadãos votaram duas vezes nas europeias

Junho 17, 2009

A Comissão Nacional de Eleições confirmou, esta quarta-feira, que tem conhecimento informal de cidadãos que votaram duas vezes nas últimas eleições europeias. Apesar da situação irregular, a CNE garantiu à TSF que o resultado eleitoral não está em causa.

A CNE não tem conhecimento oficial do caso do cidadão de Leiria que votou duas vezes com o cartão do cidadão e outro com o bilhete de identidade.

No entanto, o porta-voz da CNE revelou à TSF que este caso deve ser denunciado à Direcção-Geral da Administração Interna. 

«Este problema tem que ser resolvido de modo a que, em futuras eleições, não se possa voltar a verificar a circunstância de um eleitor se manter recenseado em dois sítios diferentes do país», considerou.

Nuno Godinho de Matos admitiu ainda a existência de mais casos como este, sublinhando, contudo, que será sempre um «número residual».

Neste âmbito, o porta-voz da CNE mostrou-se convicto de que o resultado das eleições ao Parlamento Europeu não será posto em causa.

Luís Rothes candidato do PS à Assembeia Municipal da Maia

Junho 17, 2009

De acordo com fontes bem informadas Luís Rothes terá aceite o convite de Mário Gouveia para liderar a candidatura à Assembleia Municipal da Maia, tendo no entanto existido dois possiveis candidatos.

Ainda de fonte segura o segundo nome da lista de Mário Gouveia é José Manuel Correia, antigo vereador da Câmara da Maia, sendo o terceiro uma mulher ainda não certa, e o quarto uma incógnita.

Diga-se que, entretanto, ainda não foi convocada a Comissão Política da Maia para debater os resultados das Eleições Europeias no Concelho da Maia, que o PS perdeu. Embora não pareça que os resultados das Europeias terão alguma coisa com as Autárquicas, seria muito bom que o orgão fosse convocado. Até porque seria a altura de aprovar candidaturas que já estão no terreno sem a aprovação da Concelhia, e até da Secção respectiva, como é o caso de V. N. da Telha.

Igualdade em tempo de crise

Junho 16, 2009

https://i0.wp.com/2.bp.blogspot.com/_kSsuUYVez7c/Sd52KyJuA-I/AAAAAAAAAXM/Poe5CzveKL0/s400/igualdade+de+genero.jpg

Segundo um estudo da UE, que salienta as disparidades persistentes entre os homens e mulheres no mercado de trabalho europeu, a recessão poderá afectar mais gravemente as mulheres trabalhadoras do que os homens.

Já em períodos de conjuntura favorável, o desemprego e a pobreza são mais comuns entre as mulheres do que entre os homens. Isto deve-se em parte ao facto de cerca de um terço das mulheres trabalharem a tempo parcial, incluindo os contratos temporários, o que compromete a sua segurança de emprego. As mulheres também ocupam menos cargos de responsabilidade do que os homens e estão concentradas em profissões menos lucrativas.

A Comissão organizou esta semana uma conferência sobre a forma como a recessão está a afectar as mulheres.

A UE fez grandes progressos durante as últimas décadas, adoptando legislação sobre a igualdade de tratamento e introduzindo medidas para fazer progredir as carreiras das mulheres. Mas a discriminação continua a ser um problema no local de trabalho.

As mulheres continuam também a arcar com mais responsabilidades em relação aos filhos e são muitas vezes obrigadas a reduzir o tempo de trabalho depois do primeiro filho. A UE propôs igualmente alterações à legislação em vigor para ajudar os pais a conciliar o trabalho com a família.

Com a crise económica, registou-se uma perda de mais de 4 milhões de postos de trabalho desde Abril de 2008. Inicialmente, a maior parte desses postos de trabalho concentrava-se em sectores predominantemente ocupados por homens, como os sectores financeiro, industrial e da construção. Mas a onda de desemprego alastrou depressa para outros sectores.

O sector dos serviços, que representa dois terços dos postos de trabalho na economia europeia, também reduziu a mão-de-obra. As mulheres representam cerca de metade da população activa do sector dos serviços, incluindo mais de 60% no comércio retalhista.

Neste momento, a recessão inverteu o hiato histórico entre homens e mulheres, começando a taxa de desemprego masculina a ultrapassar, pela primeira vez, a feminina. No entanto, a taxa do desemprego das mulheres na UE (8,5% em Abril de 2009) ainda é apenas ligeiramente inferior à dos homens (8,6%) e continua a ser superior à dos homens ( 9,4% contra 8,9%) na zona euro.

O relatório também salienta a disparidade salarial entre homens e mulheres. Estas ganham, em média, menos 17,4% do que os homens na UE por cada hora de trabalho. No entanto, a população activa está a aumentar e 59% dos recém-licenciados são mulheres. 

2000 anos depois…

Junho 15, 2009

2000 anos depois, JESUS vai percorrer de novo a VIA SACRA que o há-de levar à CRUCIFICAÇÃO.

 

Não tardará a dizer “PAI, afasta de mim este cálice…”