No caminho de Paulo de Tarso

by

A CONVERSÃO DE PAULO

Quando lemos o texto da apresentação de Paulo, durante a condenação de Estevão, fica-se com a impressão, que a conversão de Paulo começou a germinar no seu coração nesse momento (Actos dos Apóstolos 7, 58; 8, 1-3). É que deve ter ficado bem gravado no seu coração a morte do primeiro mártir cristão, Estevão, que morre como Jesus, perdoando como Jesus, aos que o matam. Aquando da “visão” da estrada de Damasco, Paulo tinha já amadurecido esta ideia, a que se juntaram dúvidas sobre a prática da Lei de Moisés. O chamamento de Damasco é uma experiência gratuita (Gálatas 1, 13-17), ele era extremamente convicto na religião que professava, e foi assim mesmo com toda a convicção que passou para o campo oposto. O mesmo Paulo na sua carta à Igreja de Roma, conclui que, tanto o judeu como o grego fracassaram na sua tentativa de se justificarem perante Deus, só quem investe em Cristo encontra a riqueza que vem de Deus.

Anúncios

Uma resposta to “No caminho de Paulo de Tarso”

  1. Joao Couto Lopes Says:

    Exmo. Sr. J. Armindo
    se pretender ver e publicar outros temas, no seu blogue,
    Envio o endereço –( joaocoutolopes.blogspot.com ).
    Os meus respeitosos cumprimentos.
    João Couto Lopes

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: