Qualidade de Vida na Europa

por

Neste inicio de 2009, porque não falar de Qualidade de Vida?

O inquérito realizado pela Fundação Europeia para a Melhoria das Condições de Vida e de Trabalho (Eurofound) revela a existência de importantes disparidades entre os antigos e os novos Estados-Membros da União Europeia (UE), bem como entre os países do Norte e do Sul.

Nos novos Estados-Membros e nos países candidatos, o poder de compra é muito inferior à média europeia (cerca de 55%). A proporção de pessoas que têm, por vezes, de se privar de bens considerados essenciais (aquecimento adequado, roupa nova, férias anuais) é muito mais elevada nestes países do que no resto da UE.

Estas diferenças reflectem-se também nas condições de habitação. Os habitantes dos novos países da UE são, na sua maioria, proprietários das suas casas (contra 40% nos antigos países da UE), mas estas encontram-se geralmente em pior estado. Assim, 42% dos Romenos queixam-se de problemas de vetustez dos edifícios, enquanto apenas 9% dos Finlandeses se dizem afectados por este problema.

Quanto ao acesso aos cuidados de saúde, o inquérito revela um défice de equipamentos médicos, principalmente no Sul da Europa, com excepção de Espanha, e nas zonas rurais. Nos países que aderiram à UE em 2004 e 2007, cerca de 50% das pessoas mais pobres têm dificuldade em pagar uma consulta médica; na Europa Ocidental, esta proporção é de 31%. Estes problemas são ainda agravados pelo envelhecimento da população europeia.

O grau de satisfação em relação à vida é menor nos novos países da UE, na Itália, Portugal e Grécia, sendo os cidadãos dos países nórdicos os que se mostram mais satisfeitos. Em contrapartida, muitas pessoas dos novos Estados-Membros se sentem optimistas, ao contrário do que sucede com os Franceses, Italianos, Portugueses e, também, Húngaros e Búlgaros. Globalmente, o número de optimistas passou de 64%, em 2003, para 55% actualmente.

About these ads

8 Respostas to “Qualidade de Vida na Europa”

  1. João Couto Lopes Says:

    Papagaio deficiente

    Um homem está de visita a uma loja de animais de estimação quando vê um papagaio sentado num poleiro. Reparando que o animal não tem patas, pensa em voz alta:

    - O que terá acontecido a este papagaio?

    Para sua grande surpresa o papagaio responde:

    Sou deficiente motor.

    - C’um caragooooo! Tu percebes o que eu digo?

    Claro!. Lá por ser deficiente motor não quer dizer que seja ignorante. como os nossos governantes!!

    - Ai sim? Então explica-me lá como é que te consegues segurar no poleiro se não tens patas…

    Pois!! uso o engenho que o governo PS-Socrates usa para enganar os deficientes, diz que lhes dá benesses, mas na realidade cortando-lhes os benefícios a que tem direito, tirando-lhes qualidade de vida.

    Inacreditável! E falas bem português.

    Na verdade falo também espanhol, inglês e dou uns toques no francês. Posso conversar com competência acerca de qualquer assunto; política, mas não minto, religião, desporto, física, filosofia… Sou especialmente bom em perceber quem é mentiroso e malabarista.

    Tu que não és papagaio, nas eleições que se avizinham não te deixes enganar por politicas de mentira.

    Rebobina o que estes governantes te prometeram e o que não fizeram, não te deixes enganar mais uma vez, escolhe outra politica que não esta, sê inteligente. exige qualidade de vida.

    João Couto Lopes

    • Andrade Ferreira Says:

      Moral da estória: às vezes as pessoas só conseguem ver o que está à frente dos olhos, e a deficiência física acaba por esconder a verdadeira deficiência, a mental.

  2. wow Says:

    oi vcs jogam wow s ou n ? eu tenho meu proprio server

  3. antonio carlos de oliveira junior Says:

    Papagaio deficiente

    Um homem está de visita a uma loja de animais de estimação quando vê um papagaio sentado num poleiro. Reparando que o animal não tem patas, pensa em voz alta:

    - O que terá acontecido a este papagaio?

    Para sua grande surpresa o papagaio responde:

    Sou deficiente motor.

    - C’um caragooooo! Tu percebes o que eu digo?

    Claro!. Lá por ser deficiente motor não quer dizer que seja ignorante. como os nossos governantes!!

    - Ai sim? Então explica-me lá como é que te consegues segurar no poleiro se não tens patas…

    Pois!! uso o engenho que o governo PS-Socrates usa para enganar os deficientes, diz que lhes dá benesses, mas na realidade cortando-lhes os benefícios a que tem direito, tirando-lhes qualidade de vida.

    Inacreditável! E falas bem português.

    Na verdade falo também espanhol, inglês e dou uns toques no francês. Posso conversar com competência acerca de qualquer assunto; política, mas não minto, religião, desporto, física, filosofia… Sou especialmente bom em perceber quem é mentiroso e malabarista.

    Tu que não és papagaio, nas eleições que se avizinham não te deixes enganar por politicas de mentira.

    Rebobina o que estes governantes te prometeram e o que não fizeram, não te deixes enganar mais uma vez, escolhe outra politica que não esta, sê inteligente. exige qualidade de vida.

    antonio carlos de o. junior

  4. Antônio Carlos De Oliveira Júnior Says:

    Todas as pessoas que responderam , menos eu ( SÃO TODAOS VIADOS , E TAMBEM QUEM LE E UM FILHO DA PUTA ) ‘ weoiwoeioweowieio O inquérito realizado pela Fundação Europeia para a Melhoria das Condições de Vida e de Trabalho (Eurofound) revela a existência de importantes disparidades entre os antigos e os novos Estados-Membros da União Europeia (UE), bem como entre os países do Norte e do Sul.

    Nos novos Estados-Membros e nos países candidatos, o poder de compra é muito inferior à média europeia (cerca de 55%). A proporção de pessoas que têm, por vezes, de se privar de bens considerados essenciais (aquecimento adequado, roupa nova, férias anuais) é muito mais elevada nestes países do que no resto da UE.

    Estas diferenças reflectem-se também nas condições de habitação. Os habitantes dos novos países da UE são, na sua maioria, proprietários das suas casas (contra 40% nos antigos países da UE), mas estas encontram-se geralmente em pior estado. Assim, 42% dos Romenos queixam-se de problemas de vetustez dos edifícios, enquanto apenas 9% dos Finlandeses se dizem afectados por este problema.

    Quanto ao acesso aos cuidados de saúde, o inquérito revela um défice de equipamentos médicos, principalmente no Sul da Europa, com excepção de Espanha, e nas zonas rurais. Nos países que aderiram à UE em 2004 e 2007, cerca de 50% das pessoas mais pobres têm dificuldade em pagar uma consulta médica; na Europa Ocidental, esta proporção é de 31%. Estes problemas são ainda agravados pelo envelhecimento da população europeia.

    O grau de satisfação em relação à vida é menor nos novos países da UE, na Itália, Portugal e Grécia, sendo os cidadãos dos países nórdicos os que se mostram mais satisfeitos. Em contrapartida, muitas pessoas dos novos Estados-Membros se sentem optimistas, ao contrário do que sucede com os Franceses, Italianos, Portugueses e, também, Húngaros e Búlgaros. Globalmente, o número de optimistas passou de 64%, em 2003, para 55% actualmente.”

  5. Ceomar Ribeiro Do Prado Júnior Says:

    Papagaio deficiente

    Um homem está de visita a uma loja de animais de estimação quando vê um papagaio sentado num poleiro. Reparando que o animal não tem patas, pensa em voz alta:

    - O que terá acontecido a este papagaio?

    Para sua grande surpresa o papagaio responde:

    Sou deficiente motor.

    - C’um caragooooo! Tu percebes o que eu digo?

    Claro!. Lá por ser deficiente motor não quer dizer que seja ignorante. como os nossos governantes!!

    - Ai sim? Então explica-me lá como é que te consegues segurar no poleiro se não tens patas…

    Pois!! uso o engenho que o governo PS-Socrates usa para enganar os deficientes, diz que lhes dá benesses, mas na realidade cortando-lhes os benefícios a que tem direito, tirando-lhes qualidade de vida.

    Inacreditável! E falas bem português.

    Na verdade falo também espanhol, inglês e dou uns toques no francês. Posso conversar com competência acerca de qualquer assunto; política, mas não minto, religião, desporto, física, filosofia… Sou especialmente bom em perceber quem é mentiroso e malabarista.

    Tu que não és papagaio, nas eleições que se avizinham não te deixes enganar por politicas de mentira.

    Rebobina o que estes governantes te prometeram e o que não fizeram, não te deixes enganar mais uma vez, escolhe outra politica que não esta, sê inteligente. exige qualidade de vida.

    Ceomar Ribeiro Do Prado Júnior

  6. carolina Says:

    o primeiro texto foi copiado? porque eu olhei em um site e estava escrito exatamente assim…
    http://ec.europa.eu/news/environment/090102_1_pt.htm
    ou vcs copiaram ou eles,ou é a mesma pessoa que escreveu??!

  7. karine Says:

    gostei muito,era o que eu estava procurando.

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s


Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: